quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Aeronave da Escola de Aviação Moriniair aterrissa no Aeródromo Clemente Verillo em Ribeirão Bonito

Primeira aeronave da Esola de Pilotos Moriniair chega a Ribeirão Bonito
DA 40-Diamond Star no Aeródromo Clemente Verillo em Ribeirão Bonito

A aeronave DA 40-Diamond Star aterrissou no Aeródromo Clemente Verillo em Ribeirão Bonito, onde deverá permanecer hangariado até o início do ano de 2017, quando a Escola de Aviação Moriniair iniciará os trabalhos no Santa Eliza Eco Resort.

O monomotor de fabricação austríaca tocou a pista do Resort por volta das 10h30 desta quarta(7), com plano de voo devidamente registrado, decolando do aeroporto Salgado Filho, Porto Alegre-RS,  com destino a Ribeirão Bonito-SP, trazendo a bordo dois instrutores da Moriniair, os pilotos Gil e Paula.

 Os pilotos Gil e Paula na chegada ao Aeródromo Clemente Verillo em Ribeirão Bonito

Nos próximos dias, uma segunda aeronave, a DA20-Diamon Eclipse C1, deverá fazer parte dos aviões que estarão à disposição dos alunos da Moriniair.

 Início dos Trabalhos
Fabrício Morini, sócio da  Moriniair, anunciou o início dos trabalhos  em Ribeirão Bonito, indicando uma data base, 12 de janeiro de 2017. De acordo com Morini, a ANAC- Agência Nacional de Aviação Civil, deverá realizar a última visita nos próximos dias, oportunidade em que a controladora da aviação no país deverá emitir o alvará de funcionamento final. A pista de 1.000mts de comprimento por 30m de largura, em asfalto com balizamento noturno é homologada pela ANAC para receber aeronaves de pequeno e médio porte, incluindo os tubos-hélices.

Durante entrevista à Rádio BJFM, Morini foi questionado sobre os detalhes da formação de pilotos civil e comercial que estarão à disposição dos interessados, tendo a oportunidade de explicar de forma clara, como a escola deverá formar os futuros pilotos. De início a Morini Air irá operar com duas aeronaves DIAMOND de origem austríaca e canadense, de baixo custo, muito apropriadas ao treinamento de pilotos. As aeronaves são modernas com instrumentos de última geração.

Agradecemos o convite recebido

Recebemos o convite da Festa de Encerramento da EMEF Senador Carlos José Botelho de Dourado. O Blog do Ronco agradece o convite e deseja um bom evento.

Respondendo à pergunta: Renan pode ser preso???

O Blog do Ronco fez a seguinte pergunta: O Presidente do Senado Federal Renan Calheiros  pode ser preso ao descumprir uma liminar impetrada pelo Ministro do Supremo Tribunal Federal, Marco Aurélio Mello? A resposta de juristas e jornalistas abaixo:



Jorge Sanchez Pode ser preso, mas não vai e não deve mesmo ir! O STF tem que decidir amanhã essa ação da REDE


Leandro De Almeida Prado Estamos em um momento crítico, em que não podemos confundir a INTERDEPENDÊNCIA ENTRE OS PODERES, como garantia de um funcionamento harmônico da máquina pública, com a conveniência de uma "pseuda" independência dos Poderes. Não há independência dos Poderes; mas, sim, um regramento que estabelece um funcionamento harmônico entre ambos. Assim, penso que os freios e contrapesos, admitidos aqui como limites impostos por qualquer dos Poderes à atuação de outro, que, por sua vez, malversa ou extrapola as suas atribuições ou competências, devem ser observados por qualquer dos agentes políticos. Principalmente em se tratando de uma determinação judicial emanada de nossa Corte Suprema. Seu descumprimento, em meu ponto de vista, abre, entre outros, mais um precedente perigoso!, Abs.


Veja o que disse o jornalista do "O Globo" Merval Pereira

“A proposta, que parece ser a solução mais provável de mantê-lo na presidência do Senado, mas de tirá-lo da linha de substituição da Presidência da República, não corresponde à realidade, pois não é o senador Renan Calheiros quem faz parte dessa linhagem, e sim o presidente do Senado”.
Veja o que disse o ex-Ministro do STF Ayres Britto
“A Constituição não trabalha com a hipótese de desobediência da ordem judicial a pretexto de preservar a independência dos Poderes.
Não se pode impedir o Judiciário de falar por último, salvo se a ordem for manifestamente ilegal, o que não é o caso. A decisão do ministro Marco Aurélio Mello de afastar Renan Calheiros da presidência do Senado foi fundamentada de modo a satisfazer, em princípio, as exigências da Constituição. Já a decisão da Mesa do Senado, de não aceitar a ordem da Justiça, sequer existe juridicamente”.
Veja o que disse Eros Grau ex-Ministro do STF
“Até que a decisão de Marco Aurélio Mello seja revogada, ela vale e deveria ser cumprida, e os atos que Renan Calheiros tomar são nulos”. “Estamos diante de uma história de um Poder contra o outro. É a coisa mais grave que aconteceu na história do Brasil de 1964 pra cá”.

Veja o que disse o site "O Antagonista"

Renan Calheiros desacatou o STF. E, em vez de ser preso, ganhou o apoio de Michel Temer, da presidente do STF e da mesa diretora do Senado.

O que diz a AMARRIBO Brasil

O que diz o Ministro do STF Luiz Roberto Barroso
(que não votará na apreciação do caso)

'Descumprir decisão judicial é crime ou golpe de  Estado', diz Barroso



Santa Clara Eco Resort contrata:

Santa Clara Eco Resort de Dourado, contrata COZINHEIRO, com mínimo de 2 anos de experiência. Os interessados deverão encaminhar currículo para:

rh@santaclaraecoresort.com.

Em evento com Temer e outros políticos, Moro é ovacionado e faz selfie coletiva

Moro foi assediado para selfies durante premiação em São Paulo
A rigor, as únicas celebridades presentes no palco da premiação "Brasileiros do Ano", da revista "Istoé", eram a atriz Grazi Massafera e a cantora Ludmilla. Mas, durante o evento, realizado na noite desta terça (6) em São Paulo, o superstar foi o juiz federal Sérgio Moro, responsável pelas decisões da Operação Lava Jato em primeira instância.
Premiado como o "Brasileiro do Ano na Justiça", Moro ofuscou não só Grazi e Ludmilla, mas o presidente Michel Temer (PMDB) e ministros como Henrique Meirelles (Fazenda), José Serra (Relações Exteriores, PSDB), Alexandre de Moraes (Justiça) e Gilberto Kassab (Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicação, PSD), entre outros. Também não foram páreo para o juiz nomes como o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin; o prefeito eleito de São Paulo, João Doria; e o senador mineiro Aécio Neves, todos do PSDB.
Antes do começo da cerimônia, posou para selfies com convidados. Na abertura, quando todos os premiados foram chamados ao palco, um a um, foi ovacionado pelos convidados quando anunciado. Antes de chegar à sua cadeira, foi aplaudido de novo. Citado no discurso do jornalista Ricardo Boechat, ganhou mais palmas. As mãos de Serra e Kassab não se moveram.UOL

terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Pergunta para quem souber responder....

Mas pode isso??? Acho que é inédito na República.
Eu sempre ouvi dizer que DECISÃO JUDICIAL não se discute, cumpre-se....e então, como fica essa situação do todo poderoso Renan Calheiros que desafia o STF? Quem souber, por favor, me explique....com a palavra o Supremo Tribunal Federal...a Polícia Federal...o Ministério Público Federal e a Polícia em geral...

Tapa na cara

EM MEIO À CRISE ECONÔMICA, TEMER GASTA R$ 35 MIL EM JANTAR PARA DEPUTADOS
PRESIDENTE DA REPÚBLICA OFERECEU OUTRO JANTAR, UMA SEMANA DEPOIS, PARA PEDIR APOIO AOS SENADORES (FOTO: BETO BARATA/PR)

Pergunta do dia:

Renan pode ser preso?

Renan Calheiros pode ser preso em flagrante por descumprir a decisão liminar do ministro do STF, caso haja um pedido nesse sentido por parte da PGR (Procuradoria-Geral da República), disse ao UOL Ivar Hartmann, professor da FGV Direito Rio.

"Isso é descumprimento de ordem judicial. Ele [Renan] poderia ser preso em flagrante, mas alguém tem que pedir. A PGR pode pedir, assim como pediu a prisão do Delcídio do Amaral enquanto ele era senador", explicou Hartmann.

Santa Clara Eco Resort contrata cozinheiro

Santa Clara Eco Resort de Dourado, contrata COZINHEIRO, com mínimo de 2 anos de experiência. Os interessados deverão encaminhar currículo para:

rh@santaclaraecoresort.com.

Sem Legenda...


Brilhante texto do jornalista Josias de Souza

Josias de Souza

Renan Calheiros não se conforma com a decisão de Marco Aurélio Mello. Em nota, o senador disse que o ministro do Supremo Tribunal Federal agiu “contra o Senado” ao retirá-lo do cargo que fazia o favor de ocupar. É compreensível que Renan não enxergue no espelho a suspeição sem atenuantes. Se há na política alguém que pode se considerar como um produto do meio é Renan.

O problema está no Senado, não na conduta de Renan. A culpa é do sistema político, que praticamente obrigou Renan a ser o Calheiros que ele é. Com todas as facilidades, a impunidade e a cumplicidade que lhe asseguraram nos últimos 30 anos, Renan não poderia ser outra coisa. Natural que o senador se surpreenda. Esperava mais tolerância e estímulo do Brasil.
Renan não admite ser tratado como um Cunha qualquer, que traz a delinquência nos genes. Decerto avalia que seu caso não é patológico, é um condicionamento cultural. Não fosse a denúncia sobre a ex-amante, a filha e o bolsa-pensão da Mendes Júnior, tudo continuaria como antes.
Na noite passada, um aliado de Renan ruminava uma preocupação peculiar. Antes de saber que o plenário do Supremo deve apreciar a liminar do ministro Marco Aurelio já na sessão desta quarta-feira, o súdito de Renan imaginava que seria possível preservar-lhe as mordomias.
Disse o amigo de Renan: “A liminar é uma decisão provisória. Enquanto não for afastado pelo plenário do Supremo, ele deixa o cargo, mas não perde as prerrogativas de presidente. Pode, por exemplo, continuar requisitando jatos da FAB. Que será do Renan sem a Força Aérea? Em voos de carreira, sua segurança correria riscos!”
Assim caminha o universo paralelo em que Renan se habituou a viver. Sua Excelência tornou-se réu numa ação penal e protagonista de outros 11 processos judiciais, oito dos quais relativos à Lava Jato. E seus devotos estão preocupados em evitar que ele tenha contato o povo de grife dos aeroportos.
De uns tempos para cá, o povo realmente passou a se comportar mal. No domingo passado, o povo chegou a arremessar tomates num painel ornamentado com a foto de Renan, em Curitiba. Mas o vaivém dos aeroportos pode fazer bem ao pajé de Alagoas.
Em contato com o povo, Renan terá a oportunidade de explicar que, como qualquer pivete forçado a bater carteira para sobreviver, ele também é um produto do meio e das circunstâncias que o envolvem. Se for convincente, Renan ouvirá mais pedidos de perdão do que 'vai à…'.

Lembranças de 2013...



segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

Arrancada dos Amigos leva público recorde no Aeródromo Clemente Verillo em Ribeirão Bonito

Público presente na Arrancada dos Amigos no Santa Eliza Eco Resort

Em dois dias de provas, o que vem se tornando uma tradição no Aeródromo Clemente Verillo em Riberião Bonito, a Arrancada dos Amigos levou um público recorde para assistir as emocionantes arrancadas dos carros preparados para essa finalidade.

Chama a atenção a prática dos mecânicos e pilotos na preparação dos velozes automóveis. É comum visualizar o motor fora do capô, no chão, sendo preparado e ajustado para uma próxima bateria. As vezes um pequeno acerto faz muita diferença para alcançar o melhor tempo nos 200metros percorridos e cronometrados pela direção da prova.

Ao longo dos mil metros de pista do Aeródromo Clemente Verillo, são montados os box das equipes que participam do evento. Tudo muito organizado e rápido. Para o público presente é pura emoção, para os participantes é adrenalina pura.

Ontem, domingo(4), o tempo alternou com chuva fraca, passando a forte e o sol brilhando no azul do ceu. Nada atrapalhou o desempenho dos carros, onde o piloto da cidade de Ibaté, Jean Glei Runio, com Gol numeral 80, bateu o recorde da pista alcançando a impressionante marca de 7,982 segundos nos 200 metros percorridos, na categoria DTRI.
       
  Jean Glei Runio bateu o recorde da pista do Santa Eliza Eco Resort em Ribeirão Bonito

O garoto Pedrinho, foto abaixo,  vem encantando o público nas pistas por onde participa, com o seu belo e veloz  Dragster Junior. Ao final dos 200 metros, Pedrinho cravou 114km/h.

Veja as fotos do Evento AQUI

sábado, 3 de dezembro de 2016

Parabéns Doce Veneno pelos 40 anos de estrada...


Parabéns moçada da mais alta qualidade"!!!

Novembro, 29 anos de: "Hora do Ronco"

Parabéns Pedro Luiz e Ronco e todos que participaram com você desde 1987.

Obrigado Colômbia!

Obrigado ao povo colombiano pelo carinho e presteza com os nossos esportistas e profissionais da imprensa de Chapecó e de outras emissoras, vítimas da tragédia em Medellin.

Homenagens às vítimas na tragédia da Chapecoense

Corpos chegam à Chapecó sob fortes chuvas - G1
Público acompanha a chegada dos corpos das vítimas de Chapecó













Mãe do Goleiro Danilo, uma das vítimas do acidente aéreo ocorrido em Medellin-Colômbia. A generosidade está no olhar de dona Ilaídes Padilha. A mulher que perdeu o filho em uma tragédia, mas dá o ombro para consolar jornalistas que nem conhece. E busca neles também o seu conforto. Ela percebeu que falar alivia o coração. E assim, falou, falou, falou.... Botou tudo para fora e por um segundo se esqueceu de chorar e abriu um sorriso.(UOL)


A imagem do jogador está presente em camisetas como forma de homenagem pelo que representou a todos.
A imagem do inconformismo...

Capa de Veja desta semana